A sessão de abertura do novo ano litúrgico e pastoral do Santuário de Fátima, que está agendada para o próximo dia 28 de novembro, vai realizar-se apenas através das plataformas digitais, sem a presença física de peregrinos, anunciaram esta segunda-feira, 23 de novembro, os serviços de comunicação do templo mariano.

Face à impossibilidade de circulação entre concelhos e o recolher obrigatório decretados para o país em geral e para o concelho de Ourém em particular, nos dois próximos fins de semana, a apresentação do ano pastoral que inicia o triénio de 2020 a 2023 e tem como horizonte a Jornada Mundial da Juventude, em Lisboa, será feita nos meios digitais do santuário, a partir das 17h00, pelo reitor padre Carlos Cabecinhas.

As novas regras levaram também à alteração do programa oficial de celebrações. Assim, nos dias 28 e 29 de novembro e 5 e 6 de dezembro, bem como nos feriados de 1 e 8 de dezembro, apenas se realizam as missas de manhã: 07h30, 09h00 e 11h00, todas na Basílica da Santíssima Trindade. Mantém-se a oração do terço, na Capelinha das Aparições, com transmissão pelos meios de comunicação social e digital, às 18h30 e 21h30, mas sem a participação de peregrinos.

Segundo os responsáveis do Santuário de Fátima, o novo ano pastoral é inspirado na frase bíblica “Jovem, eu te digo, levanta-te!”, sendo os conteúdos temático centrados “na mensagem de Fátima e naquilo que ela pode oferecer à experiência da fragilidade humana”. Neste sentido, serão desenvolvidas propostas a partir do acontecimento de Fátima “como sinal da presença de Deus no mundo em sofrimento; Nossa Senhora de Fátima como mãe solícita para com a experiência do sofrimento do mundo; a mensagem de Fátima como proposta evangélica de sentido para um mundo em sofrimento ou Fátima como mensagem e lugar de esperança e de cuidado da fragilidade humana”.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *