Papa Francisco
Foto: EPA / Osservatore Romano

O Papa Francisco manifestou esta sexta-feira, 8 de janeiro, a intenção de se deslocar a Portugal, no verão de 2023, para participar na Jornada Mundial da Juventude (JMJ), em Lisboa, durante uma audiência com a presidência da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), para apresentação de cumprimentos e análise de vários assuntos relacionados com a vida da Igreja.

“Foi um excelente encontro fraterno em que tivemos a oportunidade de manifestar a comunhão e sintonia dos bispos portugueses para com o Santo Padre e a Igreja Universal. Exprimimos também o apreço do povo português pelo Papa Francisco e pelos temas que tem proposto à reflexão da Igreja e da sociedade”, revelou a CEP, em comunicado.

A delegação da CEP, constituída pelo presidente, D. José Ornelas, pelo vice-presidente, D. Virgílio Antunes, e pelo secretário, padre Manuel Barbosa, dialogou com o Papa sobre vários temas, entre eles o da pandemia, com Francisco a manifestar “a esperança de que esta seja brevemente ultrapassada, com a convergência dos esforços de toda a humanidade”.

Os bispos aproveitaram para informar o Santo Padre do andamento dos trabalhos de preparação da JMJ 2023, tendo o Pontífice mostrado “o seu entusiasmo por este acontecimento mundial de encontro com os jovens, mantendo a esperança de poder estar em Portugal em 2023”.

Durante o encontro, o Papa lembrou aos prelados “que se deve prestar particular atenção às crianças, aos idosos e aos migrantes, os mais atingidos por esta crise” e salientou a importância da atenção à relação entre jovens e idosos, “por estar em questão a ligação intrínseca entre a herança que os idosos transmitem e as raízes para as quais os mais jovens devem olhar”.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *