Foto: EPA Photo

“Esta não será a última pandemia. A história ensina-nos que surtos e pandemias são um facto da vida. Mas quando a próxima pandemia vier, o mundo deve estar pronto, mais pronto do que estava desta vez”, afirma o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Ghebreyesus, recordando a necessidade de um aumento global dos investimentos em saúde pública.

Embora muitos países tenham conseguido progressos consideráveis na medicina, outros houve que negligenciaram os seus sistemas básicos de saúde pública, o que os deixa mais vulneráveis na resposta a eventuais surtos de doenças infecciosas, sublinha o líder da OMS.

“A Covid-19 está a ensinar muitas lições a todos nós. Uma delas é que a saúde não é um item de luxo para que possam pagá-la. É uma necessidade e um direito humano. A saúde pública é a base da estabilidade social, económica e política. Isto significa investir em serviços de base populacional para prevenir, detetar e responder às doenças”, conclui Tedros Ghebreyesus.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *