A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) “vai doar alimentos excedentes” a organizações de solidariedade social, referem os serviços de comunicação da instituição de ensino superior. A iniciativa assume especial importância, numa altura em que muitas pessoas enfrentam dificuldades financeiras, devido aos efeitos das medidas de contenção da Covid-19.

A iniciativa, concretizada através dos Serviços de Acão Social (SAS), visa “encontrar uma solução de combate ao desperdício na gestão de recursos, nomeadamente, nas sobras de produtos confecionados e outros não vendidos”, adianta a instituição, sublinhando que a ação vai ao encontro das “melhores práticas de responsabilidade social e solidária”.

De acordo com Fontainhas Fernandes, reitor da UTAD, a celebração de protocolos de colaboração com a Cáritas Diocesana de Vila Real e a Refood 4 Good, com vista à doação de bens alimentares para finalidades sociais e atividades solidárias, vai ao encontro da missão da instituição de ensino “na procura de uma ligação efetiva entre as suas atividades e a sociedade, em particular com a comunidade onde está integrada”.

Texto: Juliana Batista

Tagged: