Com a alta de preços dos cereais, o tubérculo ganha adeptos. países mais pobres podem ser os grandes beneficiados, diz a FaO
Com a alta de preços dos cereais, o tubérculo ganha adeptos. países mais pobres podem ser os grandes beneficiados, diz a FaOO aumento dos preços dos cereais em todo o mundo pode abrir um mercado importante para a batata, foi anunciado na abertura de uma conferência internacional sobre o tema, que arrancou esta semana. O potencial futuro alimentar da batata – que já produz mais quantidade com menos terra do que o milho, o trigo ou o arroz – está em debate nessa conferência como parte do ano dedicado a este tubérculo.
a conferência, realizada em Cuzco, a terra da batata, no Peru, reúne cientistas e decisores políticos para ajudar a elaborar estratégias para reforçar o papel do que se chama agora o alimento do futuro na agricultura, na economia e na segurança alimentar, especialmente nos países mais pobres do mundo, segundo a Organização das Nações Unidas para a agricultura ea alimentação (FaO).
Cultivada em mais de 100 países, a batata é já parte integrante do sistema alimentar global, diz a FaO, que patrocinou a conferência juntamente com o Centro Internacional da Batata.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *