“é, assim, tempo de reflectirmos sobre a melhor estratégia para valorizar esta riqueza que possuí­mos, assumindo o potencial que a língua portuguesa representa para os povos que a utilizam”
“é, assim, tempo de reflectirmos sobre a melhor estratégia para valorizar esta riqueza que possuí­mos, assumindo o potencial que a língua portuguesa representa para os povos que a utilizam”O presidente da República portuguesa, de visita a Moçambique, defendeu a necessidade dos países lusófonos terem uma estratégia de defesa e promoção da língua. Tal constitui uma obrigação colectiva e um interesse estratégico conjunto .
Todos sabemos que a língua portuguesa tem belas palavras. Mas, por mais belas que sejam, é tempo de passarmos das palavras aos actos. Para a defesa da palavra, a palavra não basta. São precisas realizações concretas, iniciativas palpáveis, para que, no plano interno de cada um dos países em que é língua materna ou língua oficial, se promova eficazmente o conhecimento e o domínio do português falado e escrito , afirmou Cavaco Silva na abertura do colóquio Português, língua global .
a língua portuguesa tem mais de 220 milhões de falantes nativos , é a quinta língua mais falada no mundo e possui estatuto de idioma oficial em organizações como a União Europeia, Mercosul e União africana, lembrou o chefe de estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *