O Papa lembrou os missionários mártires que morreram no anúncio do Evangelho
O Papa lembrou os missionários mártires que morreram no anúncio do EvangelhoÉ para toda a Igreja um dever de gratidão e um estímulo para cada um de nós a testemunhar de modo sempre mais corajoso a nossa fé e a nossa esperança, afirmou nesta segunda-feira do anjo, da residência pontifícia de Castel Gandolfo, durante o Regina Coeli, que durante o tempo pascal substitui a oração do ângelus.
aos fiéis apelou para que rezassem por esses nossos irmãos e irmãs, bispos, sacerdotes, religiosos, religiosas e leigos, que morreram ao longo de 2007 enquanto desempenhavam o seu serviço missionário.
No Também Dia mundial de luta contra a tuberculose, o Pontíficeexpressou o desejo que cresça o compromisso, a nível mundial, para combater esse flagelo . Por fim, o meu apelo dirige-se, sobretudo, às instituições católicas, a fim de que aqueles que sofrem possam reconhecer, mediante a sua obra, o Senhor Ressuscitado que lhes dá cura, conforto e paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *