O sacerdote da Sociedade Missionária da Boa Nova, de 78 anos, chegou a Maputo inconsciente, acompanhado por um enfermeiro do Hospital de Pemba (norte)
O sacerdote da Sociedade Missionária da Boa Nova, de 78 anos, chegou a Maputo inconsciente, acompanhado por um enfermeiro do Hospital de Pemba (norte)O médico que o atendeu no Hospital Central de Maputo disse logo que o estado dele era grave, adianta o responsável pela congregação, citado pela Lusa. Ficou na reanimação disse o padre anastácio Jorge.
O missionário, há 40 anos em Moçambique, natural de Louriçal do Campo (Castelo Branco) já se encontra fora de perigo e consciente. Foi, entretanto, transferido para a clínica do hospital Central.
João GonçAlves sofreu danos nos membros. Tem os braços muito estragados e vai ter que ser operado, uma situação que está a ser avaliada pelo médico, adianta o responsável pela congregação.
além disso, o ataque provocou-lhe danos na visão, cuja extensão está ainda a ser avaliada. O missionário foi ferido num assalto que vitimou mortalmente o guarda, na paróquia de Santa Isabel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *