Os paroquianos de Pom Pak-Dong são convidados a “viajarem” até Moçambique para partilharem com jovens estudantes os frutos do seu jejum quaresmal
Os paroquianos de Pom Pak-Dong são convidados a “viajarem” até Moçambique para partilharem com jovens estudantes os frutos do seu jejum quaresmalSexta-feira, 14, terá lugar na paróquia de Pom Pak-Dong um encontro de oração organizado pelo grupo missionário “ad Gentes”. É a primeira actividade do grupo, ali criado pelos Missionários da Consolata, em Outubro do ano passado “ad Gentes” é o nome do grupo, que tem a finalidade de sensibilizar os fiéis da paróquia para a missão além-fronteiras. a consciência missionária para a missão no exterior da Coreia – “ad gentes” – é ainda muito pouca. O encontro de oração em Pom Pak-Dong está orientado para o projecto missionário deste ano. a revista da Consolata na Coreia está a convidar os seus benfeitores a participarem na ajuda aos jovens que frequentam a escola na paróquia de Macanhelas, em Moçambique. Trabalham lá dois missionários portugueses: os padres Simão Costa e Manuel Magalhães. O convite será feito durante o encontro de oração, que se chama Jejum da partilha”. Os coreanos são muito sensíveis e abertos a projectos de ajuda aos mais pobres, seja “dentro ou fora de casa”. Deste modo pretende-se ajudar os paroquianos de Pom Pak-Dong a alargarem os horizontes da sua fé. Falar de missão não é novidade para a Igreja coreana. Em muitas paróquias existe um grupo missionário, que tem como objectivo chamar pessoas à Igreja. a missão é entendida como actividade ad-intra, ou seja, visa o crescimento da Igreja coreana. O objectivo do grupo “ad Gentes” é introduzir a missão universal da Igreja dentro da paróquia. apesar da experiência estar no início, as perspectivas são positivas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *