a Cáritas Portuguesa está a estudar inscrever-se para receber parte das verbas destinadas ao IRS a instituições ou confissões religiosas
a Cáritas Portuguesa está a estudar inscrever-se para receber parte das verbas destinadas ao IRS a instituições ou confissões religiosasEssa verba de 0,05 por cento do IRS será sempre destinada a acções pastorais nas paróquias de apoio social a carenciados, adiantou Carlos Oliveira, da direcção nacional, no final do Conselho Geral que decorreu este fim-de-semana em Fátima. Durante a reunião, os representantes de 16 das 20 estruturas diocesanas deliberaram apresentar uma candidatura ao Quadro de Referência Estratégico Nacional para obter uma certificação de qualidade bem como o reconhecimento de competências dos recursos humanos.
Foi ainda analisado os diferentes modelos de gestão do Programa Comunitário de ajuda alimentar a Carenciados em cada distrito. Carlos Oliveira salienta que há procedimentos diferentes de distrito para distrito. Estamos preocupados com a necessidade de rigor do programa pelo que ficou constituída uma equipa de trabalho que irá fazer chegar ao gestor do programa um conjunto de recomendações para melhorar os procedimentos, salientou o dirigente da Cáritas do algarve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *