Nova espécie deste ví­rus de febre hemorrágica tinha atingido o Oeste do país. Morreram 37 pessoas, mas o último doente já teve alta a 8 de Janeiro
Nova espécie deste ví­rus de febre hemorrágica tinha atingido o Oeste do país. Morreram 37 pessoas, mas o último doente já teve alta a 8 de Janeiroas autoridades sanitárias do Uganda declararam que o mortífero surto da febre hemorrágica de ébola, no oeste do país terminou, informou a Organização Mundial da Saúde (OMS).
a última pessoa infectada pelo vírus no distrito de Bundibugyo, que tem uma fronteira com a República Democrática do Congo (RDC), teve alta do hospital a 8 de Janeiro – depois de ter estado internada mais do dobro do período máximo de incubação da doença, informou a organização numa informação actualizada sobre o surto.
análises laboratoriais realizadas nos Estados Unidos confirmaram que o vírus deste surto é diferente das três espécies anteriormente conhecidas do ébola africano e deve ser considerada como uma nova espécie.
após o surto que surgiu no ano passado, a OMS, a Unicef e o Programa alimentar Mundial juntaram esforços com as autoridades ugandesas de saúde e uma série de organizações não-governamentais e de outros parceiros internacionais para lutar contra a propagação da doença. Registaram-se pelo menos 37 mortos com o vírus, de 149 casos confirmados de infectados, de acordo com funcionários do Uganda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *