Solidariedade dos jovens de três escolas de Sidney torna possível que 16 jovens aborígenes das ilhas Tiwi, na costa setentrional da austrália possam participar na JMJ
Solidariedade dos jovens de três escolas de Sidney torna possível que 16 jovens aborígenes das ilhas Tiwi, na costa setentrional da austrália possam participar na JMJ a população aborígene, que habita nas ilhas Tiwi, a 80 quilómetros a norte de Darwin, recebeu o anúncio do Evangelho há 100 anos. Segundo refere a agência Fides, 16 jovens de Nguiu, serão hospedados em Sidney, durante a JMJ, de 15 a 20 de Julho, graças ao empenho de três escolas, que recolheram 7. 500 dólares em três meses, após a proposta feita aos estudantes de acolher os aborígenes.
a administração civil de Tiwi recebeu mais um contributo de pequenas empresas locais. Deste modo recolheu 20 mil dólares que irão permitir aos 16 jovens participar na JMJ. a iniciativa faz parte de um amplo projecto de apoio aos peregrinos. Destina-se a apoiar os jovens das zonas pobres da Oceânia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *