Quarenta mil jovens vão participar no Encontro europeu de Genebra, na Suiça, na “Peregrinação de Confiança através da Terra”
Quarenta mil jovens vão participar no Encontro europeu de Genebra, na Suiça, na “Peregrinação de Confiança através da Terra”Trinta mil jovens vão viajar de outros países para este encontro que se realiza ano, após ano, num país da Europa. O Encontro de Genebra está a ser preparado pela Comunidade de Taizé, em colaboração com as igrejas católicas e protestantes.
Quando chegarem no dia 28, a Genebra, vindos de comboio ou autocarro, a grande maioria, vão vão receber uma carta do irmão alois. Intitulada Carta de Cochabamba, foi escrita na Bolívia durante um recente encontro de jovens latino-americanos animado pela Comunidade de Taizé. Será este texto que vai inspirar a reflexão dos jovens reunidos em Genebra e depois nos encontros de jovens em Taizé ao longo do próximo ano.
a cada participante serão entregues outros dois textos do prior da Comunidade, traduzidos em 26 línguas. Um deles é um apelo à reconciliação dos cristãos. Em Cristo pertencemos uns aos outros.
Quando os cristãos estão separados, a mensagem do Evangelho torna-se inaudível, escreve o irmão alois.
Deus chama-te à liberdade. Não faz de ti um ser passivo. Pelo seu Espírito Santo, Deus habita em ti, mas não se substitui a ti. Pelo contrário, ele desperta energias insuspeitas, pode ler-se no segundo texto dirigido aos jovens.
O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon, o Papa Bento XVI, o Patriarca Bartolomeu de Constantinopla, o Patriarca alexis II de Moscovo, o arcebispo de Cantuária, Rowan Williams e o Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, enviaram mensagens de apoio à Comunidade de Taizé e aos participantes.
Os jovens ficarão alojados nas casas de milhares de famílias de toda a região, de Bellegarde a Yverdon-les-Bains, de Genebra a Montreux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *