Pervez Musharraf acaba de levantar o estado emergência, em vigor desde 3 de Novembro. ao mesmo tempo anuncia eleições livres para 8 de Janeiro
Pervez Musharraf acaba de levantar o estado emergência, em vigor desde 3 de Novembro. ao mesmo tempo anuncia eleições livres para 8 de JaneiroO presidente paquistanês garantiu que as eleições do princípio do novo ano serão absolutamente livres e justas. Pervez Musharraf justificou a imposição do estado de emergência, há 42 dias, como uma decisão sofrida, para salvar o país da destruição. Negou que tenha sido motivada por interesses pessoais.
O presidente garantiu que todos poderão participar nas eleições e convidou observadores internacionais. Criticou os que se decidiram pelo boicote e avisou os líderes políticos para não fomentarem desordens durante a campanha eleitoral, que se inicia amanhã, 17 de Dezembro.
Cumpri todas as promessas, disse o presidente no decurso de um discurso de 15 minutos. Recordou que depôs a sua divisa militar com duas semanas de atraso, não por culpa sua. O eis-general, no poder desde 1999 depois de um golpe de estado, reivindicou o renascimento económico do Paquistão e afirmou a necessidade de reformas democráticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *