Fundo procura atingir população mais necessitada, que vive em campos temporários
Fundo procura atingir população mais necessitada, que vive em campos temporários a Unicef anunciou planos para imunizar aproximadamente 100 mil somalianos que se refugiaram em campos temporários ao longo da estrada que liga a capital Mogadíscio a afgoye durante esta semana.
a grande maioria das crianças somalianas com menos de cinco anos – 95 por cento – não recebeu a totalidade do plano de vacinação. Esta nova campanha vai proporcionar a 47600 crianças bem como a 56 mil mulheres, que fugiram à violência recente, a vacinação adequada.
O representante da Unicef para a Somália, Christian Balslev-Olesen, disse o Fundo lidera os esforços para responder às necessidades dos deslocados. Se se considerar que dez por cento da população do país teve de fugir das suas casas – com estes números a aumentarem a cada dia que passa – então temos que encontrar meios eficazes de prestação de serviços a essas pessoas. Esta é a razão pela qual a Unicef e os seus parceiros têm organizado campanhas como esta para chegar a todas as crianças.
a Somália tem alguns dos piores indicadores sociais infantis no mundo: uma em cada oito crianças morre antes do quinto aniversário, uma em cada três é cronicamente desnutrida, quase um terço das famílias têm acesso à água potável, apenas 30 por cento das crianças vai para a escola e, em média, as pessoas vivem apenas 47 anos, de acordo com a Unicef.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *