a situação é “alarmante” e a comunidade internacional deve apoiar a resolução dos problemas do país
a situação é “alarmante” e a comunidade internacional deve apoiar a resolução dos problemas do paísO alarme com os crescentes abusos na República Democrática do Congo (RDC), em particular na região leste do país, onde a situação é mais frágil, levou um perito independente de direitos humanos das Nações Unidas a pedir medidas para protecção dos civis da região.
após um período de oito dias de visita à RDC, que terminou na quarta-feira, Titinga Frederic Pacere, relator da ONU para os Direitos Humanos na RDC, disse que a situação é alarmante e apelou ao apoio internacional para resolver os problemas do país.
Durante a sua terceira visita à República Democrática do Congo, Titinga Frederic Pacere reuniu-se com os presidentes da assembleia Nacional, do Senado e do Supremo Tribunal Militar, bem como com o procurador-geral e os ministros da Defesa, da Justiça e o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *