Os pobres entre os mais pobres são as principais vítimas das mudanças climáticas devido às emissões de gás
Os pobres entre os mais pobres são as principais vítimas das mudanças climáticas devido às emissões de gásOs países em vias de desenvolvimento são os que menos contribuem para provocar as mudanças climáticas. Porém, o seu impacto é mais grave e atinge sobretudo as pessoas mais pobres entre os pobres. São palavras da coordenadora executiva da Campanha do Milénio, das Nações Unidas, Eveline Herfkens.
Enquanto decorre a 13a Conferência internacional das Nações Unidas sobre o clima, em Bali, na Indonésia, a coordenadora afirmou: Os países ricos devem reconhecer a sua responsabilidade e devem ser os primeiros a reequilibrar a diferença entre Norte e Sul do mundo. São necessárias medidas eficazes e duradoiras.
Eveline Herfkens pôs em evidência a complementaridade entre as mudanças climáticas e os Objectivos do Milénio: Se falharmos no combate de um, falhamos no combate do segundo e vice-versa. Em relação ao sistema climático, é necessário reduzir pelo menos 30 por cento das emissões de gás até 2020. até 2050, as reduções deverão atingir 70 a 80 por cento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *