Os prejuí­zos são enormes. Uma grande tempestade destruiu uma escolinha, o edifício da costura, o armazém do milho, o telhado da escola de artes e ofí­cios
Os prejuí­zos são enormes. Uma grande tempestade destruiu uma escolinha, o edifício da costura, o armazém do milho, o telhado da escola de artes e ofí­ciosSimão Pedro, missionário da Consolata e pároco de Mecanhelas e Entrelagos, junto à fronteira com o Malawi, no norte de Moçambique, dá a notícia com grande pesar. Desabafa também com grande confiança: Deus é grande e vamos ter esperança. Tudo se vai resolver.
Os estragos atingiram também a casa dos padres. O vendaval levantou o telhado, deixando-o em seguida cair sobre a casa. Montanhas de ramos de eucalipto acumulam-se junto dos urbanística. Por todo o lado, observa-se um aspecto desolador. Simão Pedro remata: apetecia-me chorar! Só isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *