Na Ilha da Reunião, um médico preocupado com uma publicidade recente, resolve advertir para que não seja usada como modelo
Na Ilha da Reunião, um médico preocupado com uma publicidade recente, resolve advertir para que não seja usada como modeloUm médico de um hospital da Ilha da Reunião resolveu chamar a atenção para o mau exemplo fornecido por uma publicidade divulgada recentemente: atirar crianças ao ar. Denis Rousseaux desaconselha essa prática que diz ser muito perigosa. afirma que os adultos julgam divertir os bebés desta maneira, mas, no entanto, só eles se conseguem divertir com essa brincadeira.
Segundo o Jornal de l’Ile de la Réunion, explica que as crianças com menos de dois anos têm menos força muscular na zona do pescoço e não tem o reflexo de a rigidificar quando necessário. ao serem sacudidas as crianças correm certos riscos. Podem sofrer fracções na zona do pescoço ou mesmo um deslocamento do cérebro.
Podem engendrar, consoante as lesões, atrasos mentais, problemas da fala, do comportamento como a hiperactividade ou mesmo levar à morte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *