Bento XVI defendeu que é preciso apostar na educação das crianças na fé, frisando que “esta é a idade em que se manifestam as inclinações aos vícios e às virtudes”
Bento XVI defendeu que é preciso apostar na educação das crianças na fé, frisando que “esta é a idade em que se manifestam as inclinações aos vícios e às virtudes”Na audiência geral das quartas-feiras, o Papa assinalou que a lei de Deus deve ser impressa na alma desde o início , frisou, citando São João Crisóstomo. Em português saudou os peregrinos especialmente os visitantes vindos de Lisboa, e os brasileiros do Governo do Estado do Rio de Janeiro, juntamente com o bispo de Petrópolis, e os paroquianos de São Bernardo do Campo de São Paulo e de Maceió.
Faço votos de que a vossa passagem por Roma possa servir de estímulo para um compromisso com Cristo pelo Baptismo, e proclamar, com renovado ardor missionário, a grandeza do amor de Deus pelos homens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *