Os Estados Unidos da américa vão iniciar, a formação de profissionais moçambicanos da saúde de forma a suprir as carências neste sector
Os Estados Unidos da américa vão iniciar, a formação de profissionais moçambicanos da saúde de forma a suprir as carências neste sectorainda não se sabe especificamente se a formação se destina a médicos ou pessoal de apoio mas sabe-se que a cooperação vai incidir sobre a formação de pessoal que trabalhará nas zonas rurais.
Nós consideramos que podemos fazer mais nesta área, daí que as nossas discussões gravitaram na questão de formação de recursos humanos, afirmou aos jornalistas, o ministro moçambicano da Saúde, Ivo Garrido. O responsável frisou ainda o auxílio norte-americano para o sector tem estado a aumentar ano após ano.
O secretário norte-americano, Leavitt reafirmou o grande interesse de Washington em apoiar Moçambique no combate ao HIV/SID a e malária. Moçambique é um dos 15 países beneficiários do Fundo Global para o Combate ao SIDa, tuberculose e malária, iniciativa do presidente norte-americano para o combate aquelas enfermidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *