Dez mil escuteiros participam nas actividades escutistas que assinalam o centenário do escutismo em Portugal
Dez mil escuteiros participam nas actividades escutistas que assinalam o centenário do escutismo em Portugalaos jovens oriundos de Portugal continental e açores juntam-se escuteiros de países de língua oficial portuguesa, como São Tomé e Príncipe e Guiné-Bissau. Está confirmada a presença de escuteiros de França, Bélgica, Espanha e China (Hong-Kong).
Juntos participam no 21. º acampamento Nacional (aCaNaC) e o 13. º Jamboree Português que decorrerá de 30 de Julho a 6 de agosto. Durante uma semana, os escuteiros vão passear, jogar, divertir-se, aprender uns com os outros, trocar experiências e criar novas amizades. Serão visitadas as aldeias de Monsanto, Penha Garcia, Monfortinho, Idanha-a-Velha, além da vila da Idanha-a-Nova.
No dia 31 de Julho, pelas 21h, a Chama do Centenário do Escutismo, acesa no Quénia sobre a campa de Baden Powell – o fundador do escutismo – chega a Idanha-a -Nova, depois de ter passado por África e Europa a caminho da Inglaterra.