O continente africano precisa de mais cinco milhões de professores para garantir educação para todos até 2015.
O continente africano precisa de mais cinco milhões de professores para garantir educação para todos até 2015. O mundo em desenvolvimento precisa de mais e melhores professores. Só o continente africano precisa de mais cinco milhões de professores se quiser alcançar a educação primária universal até 2015, afirmou o secretário-geral da Commonwealth.
as estimativas de Don McKinnon apontam para um futuro negro de milhões de crianças. Isto, a menos que a geração que hoje tem entre 12 e 24 anos comece já a ter acesso a educação, o resto da sociedade sofrerá a nível social, político e económico.
Nada é mais importante para os cidadãos e sociedades da Commonwealth do que a educação. a educação é a chave para tudo, comentou McKinnon na abertura de uma conferência na Cidade do Cabo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *