Timor Leste terá, a partir de 2007, uma embaixada no Vaticano. Papa foi convidado a visitar o país.
Timor Leste terá, a partir de 2007, uma embaixada no Vaticano. Papa foi convidado a visitar o país. Informei Sua Santidade da nossa decisão de abrir uma embaixada no Vaticano, em princípio em Janeiro (de 2007) , afirmou o primeiro-ministro, José Ramos Horta. O governante foi portador de um convite para uma visita do Papa a Timor-Leste mas compreende as dificuldades em termos de agenda.
O Papa – salienta o governante timorense – está sensibilizado para a situação em Timor-Leste e o novo núncio, sedeado em Jacarta, tem instruções para dar todo o apoio ao diálogo no país.
a criação de uma terceira diocese em Timor-Leste (além das de Díli e Baucau), que permitiria a existência de uma Conferência Episcopal timorense, é uma decisão que já está tomada, adiantou este responsável.
Já falei com os dois bispos timorenses sobre isso e a decisão está tomada. a Igreja aguarda a decisão do governo sobre a definição das regiões de Timor-Leste para escolher o local da futura diocese, disse ainda.
O primeiro-ministro adiantou ter transmitido aos bispos que o governo não tem quaisquer reservas , pelo que a nova diocese pode ser onde a Igreja achar melhor . Suai ou Same são regiões importantes , referiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *