a Guiné-bissau está a alfabetizar adultos com recurso a vídeo, num projecto que visa reduzir os níveis de analfabetismo no país.
a Guiné-bissau está a alfabetizar adultos com recurso a vídeo, num projecto que visa reduzir os níveis de analfabetismo no país. Cerca de 63 por centoda população guineense é analfabeta e o projeto TV/Escola tem o objectivo de ajudar a reduzir este índice, afirma Francisca Dabó, directora-geral de alfabetização do Ministério da Educação guineense.
Estes números não abrangem, no entanto, os indivíduos considerados analfabetos por retrocesso , isto é, pessoas que frequentaram a escola, mas que deixaram de saber ler ou escrever por falta de contacto com os livros.
Este projecto conta com o apoio de técnicos cubanos e dirige-se principalmente às mulheres, a camada da população menos alfabetizada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *