O português que é responsável para os refugiados da ONU alerta para a necessidade de serem ajudadas as vítimas de perseguição Política.
O português que é responsável para os refugiados da ONU alerta para a necessidade de serem ajudadas as vítimas de perseguição Política. No 50º aniversário da revolta anti-soviética na Hungria, que levou ao duzentas mil pessoas a abandonar o país, o alto-comissário das Nações Unidas para os Refugiados alerta para a necessidade de ajudar as vítimas de perseguição política.
Infelizmente, hoje assistimos a situações em que o sofrimento é maior do que o que vimos em Budapeste e a indiferença é também muito maior , afirmou antónio Guterres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *