Em 7 de Dezembro de 1965, o Papa Paulo VI assinou o decreto «ad gentes», sobre a «actividade Missionária da Igreja».
Em 7 de Dezembro de 1965, o Papa Paulo VI assinou o decreto «ad gentes», sobre a «actividade Missionária da Igreja».

É um dos documentos mais relevantes e mais trabalhosos que resultaram do Concílio Vaticano II.

a ele se deve toda uma revolução na forma de encarar e praticar a missão. E também o respeito pela cultura, pela história e pelas religiões dos povos a evangelizar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *