abrir as portas e dar-se a conhecer é condição essencial para cativar os jovens à vida religiosa, nos dias de hoje.
abrir as portas e dar-se a conhecer é condição essencial para cativar os jovens à vida religiosa, nos dias de hoje. “as pessoas querem saber como vivemos. O revelarmo-nos, a nossa maneira de viver, os jovens precisam de saber para entrar”, afirmou o padre Torres Neiva, durante os trabalhos desta manhã, no Curso de missiologia que decorre ate 26 de agosto, em Fátima.
Num tempo em que a imagem conta, o testemunho é essencial, frisou o missionário espiritano que, aconselhou os religiosos a abrirem as portas à comunicação.
Por outro lado, na sua comunicação sobre “Espiritualidade missionária” exortou os participantes a renovarem a capacidade profética.
Num mundo em que os leigos assumem cada vez mais a missão, o missionário sublinhou, ainda, a necessidade de formação, para estes. “é por aí­ que se pode caminhar”, referindo que, no dia-a-dia, há novas formas e novos modos de fazer missão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *