a guerra, as estradas com más condições e o perigo das minas dificultam o desenvolvimento do país. Grande parte da população não consegue obter água potável nem ter saneamento básico.
a guerra, as estradas com más condições e o perigo das minas dificultam o desenvolvimento do país. Grande parte da população não consegue obter água potável nem ter saneamento básico. angola é um dos países do mundo em que a pobreza mais têm crescido. No ano passado, foi divulgado que um relatório das Nações Unidas lhe atribuí­a o 83º lugar no í­ndice de pobreza humana. a esperança média de vida desceu dos 40 para os 38 anos. a taxa de mortalidade infantil é muito elevada. Em 1000 crianças, mais de 150 morrem antes de completar cinco anos de idade.
angola não é vista como um bom país para o investimento. Tem-se verificado, em Luanda e nas cidades mais importante do país, o interesse de investidores estrangeiros.
Esse interesse não tem tido reflexos na vida da população que continua a viver, maioritariamente, na pobreza e na doença. Muitas crianças sofrem de malnutrição. Só metade da população consegue obter água potável e à volta de 30 por cento das pessoas têm saneamento básico. Poucos conseguem aceder aos serviços de saúde.
a guerra, o perigo das minas e as estradas sem condições dificultam o desenvolvimento do país. Estes têm sido os principais responsáveis pela pobreza em que vive a população.
O desemprego e os baixos salários são outros problemas que assolam as grandes cidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *