Os refugiados da Etiópia e Eritreia já se encontram no Centro de acolhimento de Bobadela. Em 2006, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras já concedeu asilo a, pelo menos, 12 pessoas.
Os refugiados da Etiópia e Eritreia já se encontram no Centro de acolhimento de Bobadela. Em 2006, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras já concedeu asilo a, pelo menos, 12 pessoas. Os cinco refugiados da Etiópia e da Eritreia, vindos de Espanha chegaram ontem, 8 de agosto, ao Centro de acolhimento de Bobadela, em Lisboa. Os imigrantes ficarão, nos próximos seis meses, na estrutura do Centro Português para os Refugiados. Fazem parte de um grupo de 51 imigrantes que foram resgatados ao largo de Malta, pelo pesqueiro “Francisco e Catalina”. POrtugal, Espanha e Holanda recebem 29 destas 51 pessoas.
Em 2005, Portugal concedeu 12 estatutos de refugiado e de residente por razões humanitárias. Recebeu 102 pedidos de asilo.
Em relação a 2006, ainda não há números exactos mas o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras já concedeu 12 estatutos de refugiado, ao grupo de cidadãos africanos que no início do ano foi instalado no Centro de acolhimento da Bobadela, na região de Lisboa, ao abrigo de um acordo com o alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (aCNUR).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *