Promotores do Movimento pelos Direito do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente (MPPM) assinam pelo fim da violência e do desastre humanitário.
Promotores do Movimento pelos Direito do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente (MPPM) assinam pelo fim da violência e do desastre humanitário. O bispo das Forças armadas, Januário Torgal Ferreira é um dos signatários do abaixo-assinado pelo fim da violência e do desastre humanitário no Médio Oriente. a ele juntam-se outros nomes como o escritor Eduardo Lourenço, o encenador Luís Miguel Cintra e a eurodeputada Ilda Figueiredo. Os escritores Eduardo Prado Coelho e Maria Velho da Costa, o historiador José Mattoso, o eurodeputado Miguel Portas, o poeta Gastão Cruz e o professor universitário Jorge Cadima são outros dos 58 signatários do documento.
Os signatários, promotores do Movimento pelos Direito do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente (MPPM), manifestam-se pela “cessação imediata das agressões, bombardeamentos de terror, incursões, destruições e bloqueio da Faixa de Gaza e do Líbano por parte de Israel, e pela retirada das suas tropas”.
O abaixo-assinado visa também o cessar do lançamento de mí­sseis sobre o território israelita e a libertação dos três militares capturados, bem como dos deputados e ministros palestinianos agora detidos e de outros presos árabes, de entre os 9. 000 nos cárceres de Israel, em particular mulheres e crianças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *