África está pouco representada em algumas organizações internacionais. O presidente da União africana, Oumar Konaré, defende uma maior participação desta.
África está pouco representada em algumas organizações internacionais. O presidente da União africana, Oumar Konaré, defende uma maior participação desta. O presidente da União africana, alpha Oumar Konaré, defendeu durante um discurso que os países africanos têm de ser mais activos nas diferentes organizações internacionais, no que diz respeito às decisões tomadas. O discurso era sobre os desafios que África têm de enfrentar e decorreu na universidade da África do Sul.

Segundo o sítio Jeuneafrique.com, o mesmo refere que essas são decisões que afectam a população africana e, por isso, áfrica não poderia continuar como simples espectadora.

acrescentou que África deveria assumir outra posição em determinadas organizações como a ONU, para a qual deveria exigir uma representação equitativa junto dos membros permanentes do Conselho de Segurança. Também criticou a situação vivida pelo continente africano relativamente ao Fundo monetário internacional, em que a alemanha, o Japão e os EU a possuiem um direito de voto cinco vezes mais importante do que os 54 países africanos, no Conselho executivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *