Na vida há um caminho: Cristo. O padre Luís Maurício desafiou os jovens participantes da peregrinação juvenil a Fátima a comprometerem-se, com responsabilidade, com Cristo.
Na vida há um caminho: Cristo. O padre Luís Maurício desafiou os jovens participantes da peregrinação juvenil a Fátima a comprometerem-se, com responsabilidade, com Cristo. “Porque caminham? Por quem caminham?”, questionou o padre Luís Maurício aos 75 jovens que participaram na peregrinação juvenil a Fátima. a pergunta não foi lançada apenas para eles, mas para todos os fiéis presentes na eucaristia, a 2 de Julho, na capela do Seminário da Consolata.
Para os participantes da peregrinação a Fátima, jovens ligados à Consolata, esta celebração marcou, também, o encerramento de um ano de actividades. Depois da caminhada contra a fome, de Leiria até Fátima, o sacerdote assinalou que há um caminho. é o desafio de viver “com Cristo no centro, apesar das dificuldades, dos limites”.
Não ” os caminhos curtinhos de viver o simples prazer quotidianamente”, além de outros que “não levam a parte nenhuma”. O caminho ” frisou o sacerdote, ordenado há um ano ” é Cristo.
Neste desafio de ter Cristo, na vida, “não chega cantar bonito, rezar, dizer que sou cristão. Implica comprometer-se com responsabilidade”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *