Santuário de Fátima está disposto a acolher as facções do conflito em Timor Leste para um encontro de paz.

Santuário de Fátima está disposto a acolher as facções do conflito em Timor Leste para um encontro de paz.
à proposta do embaixador da Indonésia em Portugal feita na última semana, Lopes da Cruz que se realizasse um encontro em Fátima, no Santuário para mediar a paz no conflito timorense, o reitor do Santuário de Fátima mostra-se disponível para acolher este encontro.
“Todos os encontros no Santuário de Fátima que tenham por tema e propósito ou paz são bem vindos e serão acolhidos o melhor possível”, adianta Luciano Guerra.
Questionado sobre este papel de mediação, o reitor rejeita esta denominação. “Nós somos acolhedores, não mediadores”, afirma, adiantando que “mediadores/medianeiros são Nossa Senhora de Fátima e os Pastorinhos Francisco e Jacinta Marto para quem vem com fé de peregrino”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *