Reflectir sobre a problemática das crianças desaparecidas e encontrar formas de erradicar o fenómeno é o objectivo da comemoração desta data.
Reflectir sobre a problemática das crianças desaparecidas e encontrar formas de erradicar o fenómeno é o objectivo da comemoração desta data. a flor de Miosótis, conhecida por “Não Me Esqueças” é o símbolo utilizado por todas as associações da Federação Europeia das Crianças Desaparecidas e Exploradas Sexualmente.
Em Portugal, o Instituto de apoio à Criança é a única organização que pertence a esta Federação.
Quando uma criança desaparece são os pais e famílias que mais sofrem com esta situação. Daí­ que, no Dia internacional das crianças desaparecidas assinalado a 25 de Maio, ” o propósito da data é encorajar a população a reflectir sobre todas as crianças que foram dadas como desaparecidas na Europa e no Mundo, espalhar a mensagem de esperança e solidariedade a nível nacional e internacional para com os pais e famílias que vivem este problema”, adianta o Instituto de apoio à Criança.
a data visa ainda sensibilizar as entidades responsáveis, nomeadamente na áreas da Educação, Social, Justiça e Segurança a reflectir sobre a prevenção e estratégias a aplicar para erradicar o fenómeno.
O Dia Internacional das Crianças Desaparecidas é assinalado na Europa desde 2002. Nos Estados Unidos desde 1983.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *