Beneficiam desta iniciativa, meninos e jovens que sofrem de deficiências e queimaduras.
Beneficiam desta iniciativa, meninos e jovens que sofrem de deficiências e queimaduras. Numa tentativa de proporcionar melhores condições de vida às crianças, 18 menores de Quipungo, um dos Municípios da província angolana de Huí­la, serão enviados para a República da alemanha para serem tratados.
Dessas 18 crianças, 12 têm queimaduras de terceiro grau nos membros superiores e inferiores e as restantes sofrem de problemas motores. Segundo a agência angolaPress esta é uma iniciativa da direcção do Instituto Nacional da Criança (INaC) que foi anunciada, hoje, pela mesma.
a data de partida das crianças ainda não foi divulgada, mas, sabe-se, no entanto, que essas provêm das comunas de Malipi, Sende e da sede municipal.
O INaC planeia, ainda este ano, ajudar mais de 150 crianças da Huí­la, província do sul de angola, enviando-as para Espanha e alemanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *