arcebispo de évora defende a família e aponta divórcio e aborto como tentativas para destrui-la.
arcebispo de évora defende a família e aponta divórcio e aborto como tentativas para destrui-la. “Deus proteja as nossas famílias e as defenda de tantos ataques de que estão a ser vítimas”, afirmou o bispo da arquidiocese de évora, durante a homilia da peregrinação dos acólitos a Fátima, a 1 de Maio.
O arcebispo Maurí­lio Gouveia referiu-se particularmente ao divórcio e ao aborto como tentativas de destruir a família. Na mesma peregrinação incluiu-se um grupo de milhares de peregrinos vindos de évora, na sua peregrinação das famílias.
aos milhares de acólitos que se encontram nesta peregrinação vindos de diversos pontos do país e do estrangeiro, o arcebispo de évora lembrou-os que “a grande missão que vos está confiada, está no próprio Jesus que se faz presente na eucaristia”. aos acólitos aconselhou que se preparem bem “brancos por fora e por dentro”, como as suas vestes. Ou seja que preparem bem “no vosso coração, na vossa consciência”, além de preparem tudo para servir no altar.
Maurí­lio Gouveia não esqueceu a festa de S. José Operário que hoje se celebra bem como o início do mês de Meio, por excelência, dedicado à Virgem mãe de Deus. E foi no mês de Maio que “desceu a este local bendito para entregar aos pastorinhos, a mensagem de paz e salvação”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *