a árvore nomeada Prosopis traz sérias dificuldades aos habitantes do Quénia.
a árvore nomeada Prosopis traz sérias dificuldades aos habitantes do Quénia. a árvore Prosopis que, inicialmente, só parecia trazer vantagens tem trazido algumas dificuldades a quem vive no Quénia. Nos últimos tempos, esta destabilizou a vida a muitos dos seus habitantes e causou a morte a muitos animais.
a Prosopis é, portanto, uma árvore com sete a dez metros de altura, com folhas pequenas e amareladas. O facto de conseguir crescer em zonas em que nenhuma outra árvore consegue desenvolver-se é apontado como a sua principal qualidade, tal como o facto de dar frutos bastante nutritivos que servem de alimento aos animais. é também considerada como uma excelente fonte de carvão.
a Jeuneafrique adianta que foi no início dos anos 80 que se procedeu a um incentivo da sua plantação no Quénia, tendo-se tornado, ultimamente, num peso para os seus habitantes. Esta ocupa, agora, uma área de 500. 000 a um milhão de hectares.
algumas pessoas, já tiveram de mudar de casa devido ao “gigante” Prosopis que chega ao ponto de alterar o rumo seguido pelo rio que acaba por invadir o terreno das populações e inundar as suas casas. Também, já terá causado a morte a imensos animais que consomem o seu fruto demasiado doce.
Embora algumas medidas já tenham sido tomadas, tal como a importação de escaravelhos, para combater a invasão de Prosopis, o governo do Quénia já tem recebido muitas queixas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *