Os partidos da oposição nepaleses dizem que a polícia deteve dezenas dos seus líderes e trabalhadores no primeiro dos quatro dias de greve programados.
Os partidos da oposição nepaleses dizem que a polícia deteve dezenas dos seus líderes e trabalhadores no primeiro dos quatro dias de greve programados. a oposição protesta contra a toma de poder por parte do rei Gyanendra há já mais de um ano. O rei alegava que o governo não tinha capacidade para lidar com a revolta maoí­sta que teve início há uma década. Mais de 13 mil pessoas perderam a vida desde que começou a revolta.
Os últimos protestos foram organizados pelos sete partidos da oposição. Está programada para sábado uma manifestação contra a monarquia, apesar da proibição imposta na capital Kathmandu. as autoridades do Nepal actuaram contra os manifestantes na quarta-feira detendo mais de uma centena.
as Nações Unidas e os Estados Unidos criticaram a proibição de manifestações e a detenção de líderes e trabalhadores da oposição.
a oposição fez uma aliança com os rebeldes para aumentar a pressão de modo a pôr termo ao poder directo do rei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *