O cidadão afegão, abdul Rahman que incorria em pena de morte por se ter convertido ao cristianismo foi libertado.
O cidadão afegão, abdul Rahman que incorria em pena de morte por se ter convertido ao cristianismo foi libertado. Já foi libertado o afegão detido e ameaçado de morte por se ter convertido ao cristianismo. O anúncio foi feito pelo ministro da Justiça do afeganistão, Sarwar Danish.
O cidadão afegão, abdul Rahman, “foi libertado da prisão segunda-feira à noite”, disse hoje.
“Tomámos a decisão de o libertar e enviámos nesse sentido uma carta ao Ministério da Justiça”, disse o procurador-geral adjunto, Mohammed aliko. Este responsável afirmou, que abdul Rahman estava livre “para sair da prisão”.
O afegão abdul Rahman, ameaçado com a pena de morte por ter renegado o Islão e se ter convertido ao cristianismo, tinha sido detido há duas semanas e, segundo a lei islâmica, incorria na pena de morte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *