Os Corpos de Paz norte-americanos suspenderam as suas actividades no Bangladesh por tempo indefinido por medo de que os seus voluntários possam ser alvo dos militantes islâmicos.
Os Corpos de Paz norte-americanos suspenderam as suas actividades no Bangladesh por tempo indefinido por medo de que os seus voluntários possam ser alvo dos militantes islâmicos. a porta-voz dos Corpos de Paz anunciou que os 70 voluntários já abandonaram o país. O Bangladesh disse que não havia razão para isso. a decisão foi tomada depois da detenção de vários militantes islâmicos acusados de uma série de ataques à bomba. a organização norte-americana teme retaliações por parte de “elementos terroristas”.
Barbara Daly, directora de imprensa da organização, disse à imprensa que a segurança dos seus membros tinha que ser a prioridade. a decisão foi motivada pela análise da situação actual em geral. Foi aplaudida a detenção dos militantes islâmicos, considerada um passo importante na campanha contra o terrorismo Ironicamente, uma consequência deste sucesso foi a preocupação por possí­veis represálias contra norte-americanos ou outros cidadãos ocidentais.
Daly frisou que a situação no Bangladesh vai ser periodicamente observada para determinar até quando se justifica o abandono. “gostaríamos de voltar ao Bangladesh, mas temos que esperar até que o ambiente seja propí­cio”, acrescentou.
Os voluntários dos Corpos de Paz trabalhavam em educação e no desenvolvimento dos jovens. a organização retira-se periodicamente dos países onde trabalha devido a problemas de segurança, insegurança Política ou desastres naturais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *