a Caritas Portuguesa disponibilizou um fundo de quinze mil euros para enviar medicamentos, material descartável e material de limpeza para angola. Para fazer face ao surto de cólera.
a Caritas Portuguesa disponibilizou um fundo de quinze mil euros para enviar medicamentos, material descartável e material de limpeza para angola. Para fazer face ao surto de cólera. a Caritas Portuguesa vai enviar medicamentos, material descartável e material de limpeza para angola. O apelo veio da Cáritas de angola e sua congénere portuguesa vai responder positivamente disponibilizando um fundo de quinze mil euros destinado à aquisição de material de prevenção e de tratamento das populações afectadas.
Em Fevereiro, o Ministério da Saúde de angola declarou oficialmente a existência de um surto de cólera na cidade de Luanda, tendo sido registados 120 casos de pessoas infectadas dos quais resultaram 11 mortos. Depois de um esforço efectuado para a contenção tendo sido implementadas algumas medidas profilácticas com o objectivo de controlar a epidemia, nomeadamente, a distribuição de água potável.
Estas medidas, contudo, não surtiram o efeito desejado uma vez que, durante o período de Carnaval, devido ao contacto mais próximo da população com os focos de contaminação, o surto alastrou para as zonas de Kilamba Kiaxi, Sambizanga e Viana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *