Cardeal patriarca de Lisboa presidiu a celebração do início da Quaresma, de rito bizantino.
Cardeal patriarca de Lisboa presidiu a celebração do início da Quaresma, de rito bizantino. O cardeal patriarca de Lisboa, José Policarpo presidiu, ontem, pela primeira vez, à celebração, segundo o rito bizantino que marca o início da Quaresma, da comunidade ucraniana em Portugal.
a eucaristia foi celebrada na capela do Hospital de arroios, em Lisboa que se tornou pequena para acolher os imigrantes. Foi celebrada segundo o rito bizantino pelos dois padres ucranianos David e Ivan, coadjuvados pelo padre Delmar Barreiros.
Na homilia, o cardeal patriarca de Lisboa afirmou nunca ter sido emigrante mas reconhece que a vida de quem deixa o seu país não é fácil. “Não sei imaginar o que é ser emigrante, ter saudade da terra, da família que lá se deixou, da memória e do passado que ficou para trás. E que, mesmo assim, os emigrantes vieram para uma terra estrangeira tentar uma vida nova. ”
Referindo-se às condições em que são acolhidos os imigrantes, em Portugal, José Policarpo salienta: “São simpáticos? Eu sei que não são todos. “

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *