Três centenas de pessoas fazem cordão humano para exigir igualdades de direitos entre homens e mulheres.

Três centenas de pessoas fazem cordão humano para exigir igualdades de direitos entre homens e mulheres.
Um cordão humano para exigir a igualdade entre homens e mulheres. Três centenas de pessoas desfilaram do Rossio até São Bento para assinalar o Dia Internacional da Mulher e exigir igualdade de direitos em matéria de emprego e apoios sociais.
as várias organizações promotoras da iniciativa aprovaram uma resolução sobre igualdade e direitos e defendem o cumprimento efectivo dos direitos de maternidade e paternidade e a criação de infraestruturais sociais que respondam às necessidades e possibilidades das famílias.
No documento, as várias organizações promotoras da iniciativa, entre as quais a Inter-Jovem, o Movimento Democrático das Mulheres, a Inter-reformados e o Movimento Unitário de Reformados, Pensionistas e Idosos (MURPI), CGTP e União dos Sindicatos de Lisboa reivindicam o fim das discriminações no acesso ao emprego, nos salários, na progressão na carreira e na formação e qualificação profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *