acordo prevê a retirada das forças governamentais e rebeldes da cidade e do porto de Hodeida. a ONU passará a ter um papel decisivo no controlo do movimento portuário
acordo prevê a retirada das forças governamentais e rebeldes da cidade e do porto de Hodeida. a ONU passará a ter um papel decisivo no controlo do movimento portuário O secretário-geral das Nações Unidas, antónio Guterres, anunciou esta quinta-feira, 13 de dezembro, que as partes envolvidas na guerra do Iémen acordaram um cessar-fogo em toda a província de Hodeida e uma retirada dos combatentes da disputada cidade portuária no Mar Vermelho, por onde passa maioria da ajuda humanitária destinada aos iemenitas. O acordo prevê a retirada das forças governamentais e rebeldes da cidade e do porto de Hodeida, controlados pelos huthis, mas alvo de uma ofensiva da coligação internacional sob comando saudita. a ONU passará a desempenhar um papel chave no controlo portuário. Obrigado por virem aqui para discutir um futuro melhor para o Iémen, agradeceu às delegações iemenitas antónio Guterres, referindo que se alcançou um progresso real para conversações futuras para acabar com o conflito. a próxima ronda de negociações deverá ocorrer no final do mês de janeiro do próximo ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *