Religiosos da Coreia do Sul organizaram uma missão com médicos e enfermeiros e foram prestar assistência a pessoas que vivem nos arredores de Manila, nas Filipinas, e não têm posses para aceder aos serviços básicos de saúde
Religiosos da Coreia do Sul organizaram uma missão com médicos e enfermeiros e foram prestar assistência a pessoas que vivem nos arredores de Manila, nas Filipinas, e não têm posses para aceder aos serviços básicos de saúdeEm cinco dias, um grupo de missionários católicos, várias enfermeiras e pessoal médico da Coreia do Sul, atenderam gratuitamente mais de 2. 500 pacientes pobres, na paróquia do Sagrado Coração de Jesus, na cidade de Malabón, nos arredores da capital das Filipinas. a missão foi promovida pela Catholic Health association of Korea. Segundo andreas Chang, pároco de Malabón, o objetivo desta iniciativa foi garantir assistência médica a pessoas que permanecem afastadas de qualquer tipo de atenção médica, pública ou privada. Os voluntários realizaram consultas de medicina oral, medicina interna, otorrinolaringologia e efetuaram pequenas cirurgias. É uma grande prenda para nós. Médicos, dentistas, enfermeiras, farmacêuticos e técnicos de radiologia ajudaram-nos com serenidade e um sorriso, oferecendo-nos os seus serviços de forma gratuita. Sentimo-nos satisfeitos e consolados, agradeceu Evelyn López, uma das pacientes citadas pela agência Fides. Para o padre Chang, os pobres precisam de atenção médica, mas também de um programa de sensibilização sobre saúde, para prevenir doenças, e este compromisso faz parte da missão da Igreja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *