Irmãs carmelitas apresentam trabalho discográfico com testemunhos, canções e excertos das Memórias da irmã Lúcia. Para a homenagear.
Irmãs carmelitas apresentam trabalho discográfico com testemunhos, canções e excertos das Memórias da irmã Lúcia. Para a homenagear.

“No céu há uma janelinha ” canções da irmã Lúcia ” é o nome do trabalho discográfico que será apresentado pelas irmãs carmelitas, a 19 de Fevereiro, dia da trasladação dos restos mortais da irmã Lúcia para a basílica do Santuário de Fátima.

Neste trabalho discográfico, apresentado como um documento histórico, “as irmãs carmelitas vão deixar sair da clausura facetas inéditas da vidente de Fátima, que revelam a simplicidade da Irmã Lúcia e o amor que ela tinha, e recebia, das religiosas da Congregação carmelita”.

Trata-se de um trabalho de edição limitada a trinta mil exemplares, é um exclusivo “Rádio Renancença” e será vendido, em separado, na edição daquele dia do jornal “Correio da Manhã”. O valor de venda do CD, de 5 euros por exemplar, reverterá integralmente a favor da construção da nova casa das religiosas Carmelitas em Fátima, cuja primeira pedra será benzida também no dia 19, após as celebrações religiosas da trasladação da irmã Lúcia.

até à nona faixa têm a palavra as religiosas Carmelitas que, em entrevista à jornalista da Rádio Renancença aura Miguel, dão o seu testemunho do contacto directo que tiveram com a Irmã Lúcia. Podem ser também ouvidos alguns excertos das “Memórias da Irmã Lúcia”.

Depois, e até à faixa 15, é a voz da própria Vidente de Fátima que se deixa escutar, através do canto, em cânticos religiosos e em canções populares.

as gravações originais, com a Irmã Lúcia, foram efectuadas em um momento de recreio das religiosas, aquando de uma passagem da Vidente pelo Carmelo de Fátima, há mais de 25 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *