a exibição de cada filme dedicado a diversas temáticas ambientais será seguida de um debate e da troca de ideias. Para os mais novos também vão passar pelí­culas que lhes são especialmente dirigidas
a exibição de cada filme dedicado a diversas temáticas ambientais será seguida de um debate e da troca de ideias. Para os mais novos também vão passar pelí­culas que lhes são especialmente dirigidasO Festival Internacional de Cinema ambiental da Serra da Estrela (CineEco), o único deste género em Portugal e um dos mais antigos do mundo, vai contar com uma extensão oficial, realizando-se na Reitoria da Universidade de Porto, entre os próximos dias 22 e 25 de novembro.

além da exibição das películas sobre temáticas ambientais, estão previstos momentos de tertúlia, na presença de um moderador que irá fomentar o debate e a troca de ideias relativamente aos filmes exibidos e às temáticas abordadas, informam os serviços de comunicação da Lipor, organismo envolvido na organização do evento.

O certame contará também com um espaço dedicado aos mais novos, de forma a aproveitar a enorme riqueza de filmes de animação presentes na edição de 2018 do CineEco, em Seia, acrescentam os organizadores. a extensão oficial do evento resulta de um protocolo de colaboração entre a Lipor e a Câmara Municipal de Seia, contemplando uma parceria com a Universidade do Porto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *