Venda de livro «Eu posso, nós podemos», presente em exposição com o mesmo nome, reverte na sua totalidade a favor da Liga Portuguesa Contra o Cancro
Venda de livro «Eu posso, nós podemos», presente em exposição com o mesmo nome, reverte na sua totalidade a favor da Liga Portuguesa Contra o CancroUm conjunto de 40 imagens, registadas ao longo de quatro anos, todas elas a preto e branco, em contra luz e em ambiente aquático, dão forma à exposição Eu posso, nós podemos, que pretende sensibilizar a população para a necessidade de prevenção e diagnóstico precoce do cancro, uma das doenças mais mortais do nosso tempo.
a mostra pode ser conhecida diariamente na Casa do Sal, em Castro Marim, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00. Os trabalhos expostos são da autoria de Mario Rolla, professor de Educação Física e fotógrafo amador, que lançou também um livro de fotografia, com a mesma designação da mostra, que poderá ser adquirido na Casa do Sal, e cujo lucro reverterá totalmente para Liga Portuguesa Contra o Cancro. De acordo com os serviços de comunicação do município de Castro Marim, a exposição apresenta um caminho de luta e de esperança, terminando com uma mensagem de vitória.
Francisco amaral, presidente da Câmara de Castro Marim, esteve presente na sessão de inauguração, na última quarta-feira, 10 de outubro, onde apelou às práticas preventivas da doença. Contra os fatores genéticos não podemos fazer nada, mas há outros fatores que só dependem de nós, como o tabagismo, a obesidade, a má alimentação, o sedentarismo, o alcoolismo, o stress, apontou o responsável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *