O objetivo é proporcionar e a entreajuda e a reflexão para a tomada de iniciativas que permitam aos responsáveis pelos templos marianos «cumprir a missão que Deus lhes atribuiu»
O objetivo é proporcionar e a entreajuda e a reflexão para a tomada de iniciativas que permitam aos responsáveis pelos templos marianos «cumprir a missão que Deus lhes atribuiu» a 15a edição do encontro de santuários marianos da Europa, também conhecido como Réseau Marial Européen (Rede Mariana Europeia) está a decorrer no Santuário Nacional Esloveno de Santa Maria auxiliadora, em Brezje. Os 21 santuários que integram a rede estão presentes na alemanha, Bélgica, Eslovénia, Roménia, Polónia, Suíça, Portugal, Gibraltar, Irlanda, Eslováquia, Itália, França, Hungria, Áustria, Croácia, Malta, Lituânia, Inglaterra, Espanha e Ucrânia.
O encontro reúne representantes de 18 Santuários Nacionais Marianos Europeus. Portugal é representado através do Santuário de Fátima, e este ano, pela primeira vez, a Santa Sé estará representada por Rino Fisichella, presidente do Pontifício Conselho para a Nova Evangelização.
O encontro conta com momentos de oração, partilha, palestras e visitas. Rino Fisichella vai dinamizar uma conferência sobre a importância dos santuários na Igreja, e o arcebispo de Liubliana vai receber os participantes deste encontro, durante uma visita à cidade. Haverá ainda espaço para a intervenção dos representantes de cada santuário.
O Réseau Marial Européen foi criado pelos bispos e reitores responsáveis pelos santuários de Loreto, Czestochowa, Lourdes, altotting e Fátima, com o objetivo de fomentar a entreajuda na reflexão e realização de iniciativas que lhes permitam cumprir a missão que Deus lhes atribuiu, explicam os serviços de comunicação do templo da Cova da Iria. a iniciativa está a decorrer até à próxima sexta-feira, dia 28 de setembro, depois de ter iniciado na última terça-feira, 25.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *